Convidados

Yaguarê Yamã (AM)

Escritor, geógrafo, ilustrador e líder indígena. As suas atividades estendem-se por todo o Brasil, em palestras e eventos ligados à temática indígena e ambiental. É amazonense e filho do povo Maraguá por parte de mãe e Sateré-mawé, por parte de pai.

Formado em Geografia pela Universidade de Santo Amaro (UNISA), na cidade de São Paulo, onde também palestrou e morou, até voltar ao Amazonas. Como ativista da causa indígena, tem passado por diversos lugares, sempre desenvolvendo projetos culturais e sociais tais como como o projeto “De volta às origens” que tem o objetivo de conscientizar indígenas sobre a valorização étnica e a reorganização social.

Mora e leciona atualmente em escola pública na cidade de Nova Olinda do Norte, além de atuar como liderança do povo Maraguá, na A. I. Maraguapajy, no rio Abacaxis, Urariá e Paracuni. Leia mais, acesse: yaguareh.blogspot.com.

_

Rita Carelli (SP)

Escritora, ilustradora, roteirista, atriz e diretora de teatro e cinema. Coordenou a coleção infantil de seis volumes “Um Dia na Aldeia”, da qual escreveu e ilustrou três dos títulos, numa parceria com a ONG Vídeo nas Aldeias, republicados recentemente pela editora SESI.

Seu livro “Akykysia – O Dono da Caça”, foi contemplado com o prêmio White Ravens e com selo de “Altamente Recomendável” pela FNLIG – Fundação Nacional do Livro da Infância e da Juventude. Integrando, em 2015, o catálogo da feira de Bolonha e participando de eventos literários em Lisboa e no Brasil. Seu envolvimento com a cultura indígena não é de hoje, em 2016, ilustrou os livros “Memórias de Índio – uma quase autobiografia” de Daniel Munduruku (ed. Edelbra). E lança este ano “Minha família Enauenê” pela Editora FTD, que conta sua infância junta ao povo indígena Enauenê-Nauê. Atualmente trabalha em seu romance “TERRAPRETA”, ambientado em São Paulo, Paris e no Alto Xingu. Leia mais, acesse: www.ritacarelli.com.

_

Cristino Wapichana (RR)

Escritor, músico e contador de histórias natural de Boa Vista, Roraima. Produtor do encontro de escritores e artistas indígenas. Patrono da cadeira literária 146 da Academia de Letras dos Professores da cidade de São Paulo – ALP. Escritor brasileiro na lista de honra do YBBY 2018. Vencedor do 4° concurso Tamoio de literatura pela FNLIJ – Fundação Nacional do Livro Infantil e juvenil 2007 com o texto “A Onça e o Fogo”.

Menção Honrosa 2014 do concurso Tamoio. Medalha da Paz – 2014 – Movimento União Cultural. Indicado ao Prêmio da Ordem do Mérito Cultural da Presidência da República 2008 e 2014, pelos trabalhos relevantes em prol da cultura indígena brasileira.

Prêmio Litteratudo Monteiro Lobato – 2015 – Movimento União Cultural. Livros publicados: “A Onça e o Fogo” (Ed. Amarilys – 2009); “Sapatos Trocados” (Ed. Paulinas – 2014) – selo altamente recomendável do FNLIJ 2015; “A Oncinha Lili” (Ed. Edebe – 2014).

_

Marilda Castanha (BH)

Nascida em Belo Horizonte, onde se formou em Belas Artes, tem dezenas de livros ilustrados e participações em exposições, no Brasil e no exterior, como por exemplo a mostra “Le Imaggini de la Fantasia” (Sarmede, Itália).

Entre os prêmios recebidos, destacam-se: o Jabuti de Ilustração, o Prix Graphique Octogone (Paris) e o Runner up (Japão); todos com o livro Pindorama, Terra das Palmeiras.

Em 2011, teve um de seus títulos (o Mil e uma Estrelas) selecionado para a lista White Ravens, da Biblioteca de Munich. E em 2017, com o livro “Sem Fim” foi premiada na categoria Purple Island no Nami Concours, na Coreia do Sul.

Hoje vive e trabalha em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte. Leia Mais, acesse: marildacastanhailustradora.blogspot.com.

_

Vanina Starkoff (ARG)

Ilustradora, designer gráfico. Nasceu na “Bela América Latina” em Buenos Aires, Argentina. Graduada em design gráfico na Faculdade de Buenos Aires. Vanina descobriu sua paixão pelas imagens dos livros, e tomou-os como inspiração até passar a criá-los.

Atualmente mora no Brasil desde 2014 na cidade do Rio de Janeiro. Seu primeiro livro “Danças nas Nuvens” foi finalista do III Internacional Compostela Award for Picture Books e traduzido posteriormente para outros sete países. Leia mais, acesse: vanina-starkoff.blogspot.com.

_